Folha do Comércio

Você está aqui: Vale do Aço Ipatinga Projeto “Entre Grades e Sonhos” promove a ressocialização e inclusão social das detentas do Ceresp

Projeto “Entre Grades e Sonhos” promove a ressocialização e inclusão social das detentas do Ceresp

Iniciativa faz parte de um conjunto de ações idealizadas e articuladas pela Rede Colaborativa de Voluntariado do Vale do Aço

No próximo dia 24 de novembro, às 20h, na Faculdade de Medicina de Ipatinga, acontecerá o “Encontro Beneficente de Corais” cujo objetivo é lançar oficialmente o projeto “Entre Grades e Sonhos – O resgate é possível”.

A iniciativa faz parte de um conjunto de ações idealizadas e articuladas pela Rede Colaborativa de Voluntariado do Vale do Aço. O comitê de apoio e humanização do sistema prisional, responsável pela campanha é composto por representantes do Lions, Rotary, Programa Mãos que Ajudam da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, UNICEV Capelania, AMO – Associação Missão Ômega, dos Conselhos de Segurança Pública – CONSEPs, do Conselho da Comarca de Ipatinga, Fiemg RVA, MGS – Movimento dos Gays, Lésbicas e Simpatizantes e voluntários da comunidade.

“A ideia surgiu durante os encontros de mobilização do Dia V, articulados e apoiados pela FIEMG Regional Vale do Aço, após os integrantes inquietarem-se com as condições de trabalho dos agentes penitenciários e da situação do sistema prisional de Ipatinga, escolhendo como foco de ação social, as mulheres privadas de liberdade do  CERESP de Ipatinga, que somam hoje cem mulheres com diversas necessidades”, justifica a coordenadora do Programa Mãos que Ajudam, Cleonice Moura.

Nessa perspectiva, a partir de diversos encontros com a rede colaborativa desenhou-se o projeto “Entre Grades e Sonhos – O resgate é possível”, que engloba além de campanhas de doação de produtos de higiene pessoal, uma conjugação de esforços para expandirem o trabalho voluntário para além da doação material e pontual, oportunizando a doação afetiva de tempo e talentos de voluntários nas diversas áreas que possam contribuir para elevar a auto estima, aumentar o capital social, intelectual e cultural das detentas, além de sensibilizar governos e sociedade civil para uma cultura de humanização e ressocialização com  oportunidades educativas e laborais, enquanto recolhidas no sistema prisional.

Já o encontro de corais conta com o apoio e participação dos Corais Unileste, FSFX, Gente Nossa, Coro Mórmon, Corais da Igreja Assembleia de Deus de Timóteo – Vozes de Betel e Conjunto Vencedores com Cristo e da Banda de Música da APAC de Caratinga. A organização técnica do evento está a cargo do maestro Everson Salazar, que já desenvolve projetos sociais no Vale do Aço com a Big Band Encantando Vidas, em APACs, Presídios e Clínicas de Reabilitação.

De acordo com Patrícia Barbosa, consultora de projeto social da FIEMG, o projeto é uma resposta clara à sociedade em como os voluntários são atentos e fortes nas atitudes que envolvem causas que lhes motivem.

“Durante todo o ano os voluntários trabalham organizadamente e se dispõe a transformar a realidade de muita gente que esteja em vulnerabilidade ou na compreensão de melhoria da qualidade de vida. Diversas ações serão desenvolvidas nesse projeto e todos são convidados a participar abraçando a causa da ressocialização e inclusão social”.

A Consultora acrescenta: “A Fiemg já atua nas APACs com capacitação para o trabalho via Escola Móvel Sesi/Senai, apoiando o Instituto Minas Pela Paz e promovendo junto aos empresários, a oportunidade de contratação de regressos do sistema prisional”, reforça.

A campanha de arrecadação de produtos de higiene pessoal que serão doados às detentas do CERESP Ipatinga permanecerá em 2018. Serão aceitos: papel higiênico, shampoo e condicionador, sabonete branco, creme dental (tubo), escova de dente, desodorante em creme, prestobarba de uma lâmina e absorvente.

Interessados em conhecer melhor o projeto e obter mais informações, poderão entrar em contato através do Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.