Folha do Comércio

Você está aqui: Vale do Aço Ipatinga Prefeitura reforma e libera recepção do Hospital de Ipatinga

Prefeitura reforma e libera recepção do Hospital de Ipatinga

Postado em 13-04-18 às 18h33

O Hospital Municipal Eliane Martins, de Ipatinga, reabriu as portas

da recepção do bloco A para atendimento ao público, nesta sexta-

feira,13. Durante duas semanas, foram realizadas intervenções no

local, conduzidas pela Secretaria Municipal de Obras Públicas. O

telhado da unidade foi reformado, ganhou maior inclinação, e as

calhas de alvenaria foram impermeabilizadas, sendo assim corrigido

o sistema de coleta e dissipação da água da chuva.

Além disso, o setor recebeu um novo forro de teto, nova pintura nas

paredes e houve a substituição de lâmpadas convencionais por

luminárias de LED. “São mudanças que deixam o ambiente mais

agradável e arejado para os nossos pacientes e acompanhantes.

Uma vez que, por aqui, entram crianças e adultos para

atendimentos de pediatria, ortopedia, pacientes pelo SAMU ou

transferidos da UPA, além de ser a entrada também para visitantes

e troca de acompanhantes”, explica Giselle Almeida Ferreira,

gerente Administrativo do Hospital Municipal.

A reabertura da recepção do bloco A facilita o acesso e agiliza o

atendimento aos pacientes. “Achei mais fácil do que ir na outra

recepção”, disse Débora Cristina da Silva, mãe de Isabela, de nove

meses. É que as áreas de atendimentos são mais próximas dali do

que da recepção de funcionários, utilizada provisoriamente

enquanto o local era reformado em decorrência de problemas

registrados como consequência das últimas chuvas.

Impressão parecida teve Heloísa Maria Perpétua, que chegou bem

no momento da transição, com a filha Júlia, de cinco anos. “Já tinha

vindo aqui antes, mas há bem tempo. Tá bem melhor agora. Achei

que fizeram uma bela reforma. Ficou mais espaçoso, mais bonito,

além de estar perto da nova ala infantil. E o atendimento também foi

rápido, porque sempre que a gente vinha demorava demais. Hoje tá

melhor”, avaliou.