Folha do Comércio

Destaques:
Você está aqui: Vale do Aço Ipatinga

Ipatinga

Fiemg promove curso “Empresa familiar – Criando soluções para a gestão”

- Vagas limitadas. Inscrições no site da Fiemg  Regional Vale do Aço -

 

No intuito de contribuir para o processo de sucessão e governança corporativa em empresas familiares e desenvolver um programa de capacitação para os sucessores, apresentando possíveis caminhos para o aumento da longevidade das organizações, a Fiemg  Regional Vale do Aço, através do Programa de Competitividade Industrial Regional – PCIR, em parceria com o Centro Industrial Empresarial de Minas Gerais -CIEMG realizará nos dias 30 e 31/08 (quarta e quinta-feira), das 8h às 17h e 8h às 12h, o curso “Empresa familiar – Criando soluções para a gestão”.

No conteúdo programático: o Contexto das Empresas Familiares no Brasil, o Processo Sucessório, Governança na Empresa Familiar e Profissionalização da Gestão serão abordados pela psicóloga, Norma Sant’Anna, que atua desde 1983 em organizações como consultora de RH e facilitadora de programas de formação de líderes.

De acordo com o analista de Relações Empresariais da Fiemg , Luiz Sérgio Martins Júnior, as vagas são limitadas. O valor do investimento é R$ 60,00 para associados ao CIEMG e sindicatos filiados a FIEMG (Sinpava – Sindimiva – Sinduscon – Sindivest e Sime) e R$ 160,00 para não associados.

As inscrições podem ser feitas pelo site da Fiemg  Regional Vale do Aço através do http://www7.fiemg.com.br/ciemg/inscricao/empresafamiliarsolucoesparagestaoipatinga

 

O que é o PCIR

 

Criado em 2013, o Programa de Competitividade Industrial Regional (PCIR) parte da premissa de identificar os principais pontos críticos que afetam os setores mais dinamizadores da economia de Minas e apresentar ações de curto, médio e longo prazo. As medidas são propostas a partir de um diálogo entre a indústria, formuladores e geradores de políticas públicas de interesse industrial, centros de pesquisa e tecnologia, demais entidades de apoio à indústria e universidades.

Informações pelo telefone 31 3822-1414 ou email Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Atenção à população em situação de rua em Ipatinga

Assistência Social dá novos passos para qualificar serviços de atendimento

 

Depois da Roda de Conversa que teve lugar na unidade do Centro de Referência Especializado para a População em Situação de Rua (Centro Pop), na semana passada, na quarta-feira,16, foi a vez de acontecer uma reunião em outro equipamento que presta serviço a este público no município de Ipatinga, a Casa de Acolhimento Parusia, situada na Praça Caratinga, Centro.

O encontro com os representantes da Organização da Sociedade Civil (OSCs) que presta acolhimento institucional a pessoas em passagem por Ipatinga (migrantes) ou que estão em situação de rua, custeado pelo município, contou com as presenças do secretário de Assistência Social, José Osmir de Castro; o secretário Adjunto da pasta, Giovanni Reis; técnicos da secretaria e ainda, representantes da Polícia Militar.

“Foi uma reunião proveitosa, pois serviu para alinhar a prestação de serviço e estreitar ainda mais os laços da Administração com a OSC”, observou o secretário.

Estes encontros fazem parte de um planejamento estratégico da Secretaria para desenvolvimento de ações que têm por objetivo qualificar cada vez mais os serviços disponíveis para este público.

Além disso, um Diagnóstico realizado pela PM com apoio da Secretaria que vai mostrar a realidade da população de rua deve ser finalizado no final do mês de setembro.

 

Dia de luta

 

O próximo sábado (19) é o Dia Nacional de Luta da População em Situação de Rua e, segundo a diretora do Departamento de Proteção Social Especial da Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de Ipatinga, Cláudia Castro, este é um tema que sempre estará em pauta para a Assistência Social do município.

“O trabalho com a população que vive em situação de rua é complexo e demanda um olhar humanizado de todas as políticas pública envolvidas”, acrescentou a diretora.

Somente no último mês, foram atendidas pela Secretaria de Assistência Social de Ipatinga aproximadamente 215 pessoas em situação de rua ou migrantes.

 

Endereços úteis

 

Centro Pop: rua Pouso Alegre com a Avenida Cláudio Moura, Centro.

Parusia: avenida João Valentim Pascoal, em frente a Praça Caratinga, Centro.

 

 

TC recomenda auditoria em aposentadorias de servidores de Ipatinga

Força-tarefa envolvendo Executivo, Legislativo, Sintserpi, Sind-UTE e representantes de aposentados é proposta para averiguação de processos

 

O prefeito Sebastião Quintão e Procuradores Jurídicos do município estiveram dialogando no final da tarde e início da noite de quarta-feira,16(FOTO), no gabinete do Executivo, com uma comissão de aposentados do funcionalismo público de Ipatinga, dirigentes de entidades de classe representativas dos servidores, o presidente da Câmara de Vereadores, Nardyello Rocha, e o líder do governo no Legislativo, Jadson Heleno. O objetivo foi buscar encaminhamentos legais mais objetivos para a situação de conflito que perdura desde o governo anterior, quando a ex-prefeita entrou com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) para suspender o pagamento de complementações de aposentadorias aos funcionários.

Durante a reunião, foi oferecida pela Administração a oportunidade de os sindicatos da categoria e outros representantes acompanharem de perto e cumprirem o papel de defesa dos interesses dos aposentados em uma auditoria que será realizada para verificação de todos os processos. A medida está sendo recomendada pelo Tribunal de Contas do Estado.

Com base nesse levantamento, será elaborado um projeto de lei sobre o assunto, a ser votado em plenário pelos vereadores.

Entre várias outras ponderações no encontro, o prefeito reafirmou o desejo de pagar os servidores, enfatizando que seu histórico demonstra ser ele “um bom pagador, tanto na vida privada quanto no exercício do cargo público”. Contudo, ressalvou que “restrições jurídicas me impedem de superar o impasse que penaliza a todos”.

Como explicou o governo municipal, entre outras razões a auditoria se faz necessária porque levantamento realizado em instâncias superiores acusou problemas em várias aposentadorias concedidas, “embora, em primeira análise, esta não seja uma situação criada pelos beneficiados”.

 

AGILIDADE E TRANSPARÊNCIA

 

A Prefeitura de Ipatinga entende que a participação de representantes do legislativo e dos servidores na auditoria dará a ela maior agilidade e transparência, sem prejuízo das discussões em torno da Adin, que ainda prosseguem, ou da preparação de uma proposta para Regime Próprio de Previdência Social (RPPS), já iniciada pela administração.

Representantes da Aslei (Associação dos Servidores do Legislativo de Ipatinga) e do Sintserpi (Sindicato dos Servidores Municipais de Ipatinga) pediram uma semana de prazo para avaliar a proposição do governo, após consulta aos interessados. A questão afeta diretamente cerca de 2.500 pessoas.




Colaborador como protagonista das mudanças na Usiminas

A nova campanha interna “Nosso aço é você” vem ao encontro da profunda renovação por que passa a companhia, na qual o colaborador é o principal foco e o responsável pela melhoria dos resultados da companhia. A ação, lançada em 14 de agosto deste ano, busca reunir as iniciativas realizadas pela Usiminas para a melhoria do clima organizacional da companhia.

Entre as novidades estão a reestruturação da diretoria de RH, o lançamento do Programa de Oportunidades Profissionais (POP), que incentiva o recrutamento interno, a adição do benefício Aeromédico à lista de serviços médicos já oferecidos pela Usiminas, um programa de desenvolvimento de gestores, o lançamento de novos canais de comunicação: o “Fala ai Supervisor” e o “Fala ai Colaborador”, este último pelo aplicativo Whatsapp, e a revitalização das conversas entre gestores e suas equipes com o lançamento do “Fala ai Gestor”.

“São as pessoas que constroem os resultados e, por isso, vamos investir mais na nossa equipe.” afirma o Presidente Sergio Leite em seu vídeo para o lançamento da campanha.

 

Novos caminhos

 

Os números do 2º trimestre de 2017 representam o novo momento da companhia, após a superação de complexos desafios ao longo dos últimos anos.  A Usiminas busca agora reforçar sua posição de protagonista no cenário siderúrgico brasileiro e da América Latina. Para isso, aposta na capacidade e competência de seus colaboradores. Na divulgação dos resultados de abril a junho, a Usiminas apresentou o melhor EBTIDA dos últimos 28 trimestres, alcançando R$ 750 milhões.

SAMU recebre duas

A população de Ipatinga já é a principal beneficiada com a chegada de duas novas ambulâncias de Suporte Básico (USB) para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Os veículos, que já estão em circulação no município, foram assegurados pelo atual governo junto ao Ministério da Saúde com o objetivo de garantir a renovação da frota.

Segundo o coordenador do SAMU de Ipatinga(FOTO), Tiago Tessaro, a aquisição das unidades móveis veio em momento oportuno e reflete o empenho da administração municipal em ampliar a qualidade da prestação do serviço à população.

“Em abril, quando o prefeito Sebastião Quintão esteve com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, vários recursos foram reivindicados, como a implantação do SAMU na Região Metropolitana do Vale do Aço e a atualização da frota para garantia da qualidade da assistência oferecida aos munícipes. Os recursos novos e modernos chegam num momento importante, ajudando-nos a reduzir custos com manutenção”, enfatiza Tiago.

O coordenador ainda acrescenta: “Devido à demanda da cidade, as duas Unidades de Suporte Básico já estão em operação. Nossa intenção é sempre chegar o mais rápido possível até a vítima, principalmente nos casos em que o tempo-resposta é essencial para um melhor prognóstico”, esclareceu.

 

Atendimento garantido

 

Com uma demanda de 4.000 chamadas/mês, o SAMU de Ipatinga possui três Unidades de Suporte Básico (USB), tripuladas por condutor e técnico de enfermagem, e uma Unidade de Suporte Avançado (USA), composta por médico, enfermeiro, técnico de enfermagem e condutor-socorrista.

O serviço pode ser acionado em diversas situações como problemas cardiorrespiratórios, intoxicação exógena, crises convulsivas, acidente vascular cerebral (AVC), acidentes com produtos perigosos, queimaduras graves, trabalho de parto onde haja risco para a mãe ou para o feto, acidentes automobilísticos com vítimas, afogamentos e choques elétricos, entre outros.




Página 1 de 11