Folha do Comércio

Você está aqui: Vale do Aço Ipatinga

Ipatinga

Sertanejo na voz de Josyane

- Quintaneja no Shopping Vale do Aço recebe Josyane Moura -

Em tempos onde o estilo musical sertanejo domina o mercado, os maiores expoentes dessa tendência são as interpretações em vozes femininas. A lista das “Rainhas da Sofrência”, ou “Divas do Sertanejo”, cresce a cada dia. São expoentes que tem como características em comum muito carisma, animação e charme. Exemplos são as duplas Maiara & Maraisa e Simone & Simaria, o destaque em cantoras solo vai para Marília Mendonça e Naiara Azevedo. Josyane, que se apresenta no shopping na quinta-feira,11, compartilha todas características dessas belas mulheres que lançam sucessos em rádios por todo país. A cantora se apresenta, nesta noite de quintaneja, com seu parceiro Max que a acompanha na segunda voz e instrumentos.

Com um repertório bem específico, voltado quase que exclusivamente para o estilo, Josyane promete animar bastante e se diz “ansiosa pela apresentação”. Confiante em sua primeira apresentação no Shopping Vale do Aço, Josyane sabe que o momento é certo para se destacar, pois afirma que “o mercado sertanejo, na atualidade, é dominado pelas mulheres”.

Serviço

Quintaneja – Josyane Moura

Data: 09/11

Horário: 19:30h

Local: Praça de alimentação

Show gratuito

Natal encantado

- Chegada do Papai Noel ao Shopping Vale do Aço marca o início do Natal na região -

Crianças e adultos entre famílias e amigos reunidos… Foi no domingo, logo cedinho, que uma multidão se reuniu no Shopping Vale do Aço para esperar um dos momentos mais mágicos do ano: a chegada do Papai Noel. O evento marca, também, o início do Natal no Vale do Aço. Para segurar a ansiedade, pipoca e picolé distribuídos gratuitamente, além de muitos brinquedos como cama elástica, play gol, piscina de bolinhas, brinquedos infláveis, entre outros.

Quando o bom velhinho deu sinal de chegada, era contagiante a alegria e expectativa, transbordando nos milhares de olhares brilhando. Acompanhado da grande turma do Pinóquio, do mascote mais famoso do Vale do Aço, o cachorro Bolacha, e uma banda, o Noel fez uma bela caminhada passando por todo o estacionamento até a portaria 3 animando o público. Euler Santos, morador do bairro Ideal, em Ipatinga, acompanha sempre a chegada do Papai Noel no Shopping Vale do Aço. “A gente se emociona em ver a alegria dos nossos filhos ao encontrar o Papai Noel. A chegada do bom velhinho é festa do ano para as crianças”, disse.

A magia do Natal continua no mall até dia 06 de janeiro com atrações divertidas. A cada R$ 60,00 em compras os clientes tem direito a dar uma volta no trenzinho que passa pelo mall acompanhados pelo personagem Pinóquio. Além disso, podem visitar a Oficina do Gepeto, personagem criador do Pinóquio, localizada em baixo das escadas rolantes próximo a loja Marisa. Um outro  trenzinho que passeia dentro da decoração da portaria principal, faz a alegria dos pequeninos por apenas R$ 10,00. E ainda conta com um poço de desejos, onde os clientes podem jogar moedas e fazer um pedido. Toda a arrecadação do poço dos desejos será destinada para a Associação João Paulo XXIII.

 

 

 

Contação de Histórias na Biblioteca de Ideias Ação Educativa promove visitas teatralizadas ao espaço literário nos próximos dias 8 e 9

IPATINGA – Nas próximas quarta (8) e quinta-feira (9), a storyteller e contadora de histórias, Raquel Vieira, leva sua personagem Flora Manga de volta à Biblioteca Central de Ideias do Centro Cultural Usiminas para acompanhar leitores pelo acervo em uma visita diferente, teatralizada.

Contando histórias clássicas, adaptadas para essa ação, Flora Manga apresentará a Biblioteca à plateia de forma lúdica e interativa.

O tour entre os livros, pelo universo da literatura, integra o programa educativo do Instituto Cultural Usiminas criado com o propósito de estimular o hábito da leitura e a imaginação da comunidade em geral.

“A Contação de Histórias na Biblioteca..é uma oportunidade única de a população receber uma biblioteca como um patrimônio pessoal para toda a família e também reconhecer o poder da tradição oral para fortalecer os vínculos entre pais e filhos. É nisso que eu acredito”, comenta Raquel Vieira.

A Ação Educativa de Contação de Histórias é patrocinada pela Usiminas e Massas Vilma, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

ACERVO

O acervo da Biblioteca Central de Ideias é composto por aproximadamente nove mil títulos sobre arte, literatura, parapsicologia, história, administração, best selleres, dentre outros.

Os livros são disponibilizados gratuitamente para os seus associados, que chegam a 13 mil pessoas. A Biblioteca também disponibiliza acesso gratuito à internet.

SERVIÇO

No dia 8, as visitas guiadas com Contação de Histórias serão realizadas na Biblioteca de Ideias do Centro Cultural Usiminas às 9h, 14h e 19h. No dia 9, o evento será promovido às 9 e às 14h.

Todas as sessões têm classificação livre e são dedicadas exclusivamente às escolas, exceto a apresentação das 19h, que será aberta ao público em geral.

Interessados em participar das visitas devem fazer seu agendamento na Ação Educativa, pelo telefone 31 3824.3731. Entrada franca.

 

Contação de Histórias gratuita na Biblioteca Central de Ideias

- Aberto o agendamento para encontro regado a poesias e contos da literatura clássica infantil -

Já está aberto o agendamento para a Contação de Histórias na Biblioteca Central de Ideias para Famílias do mês de novembro, a última edição deste ano. Nesta quarta-feira,08,, às 19h, a atriz Raquel Vieira vai levar os participantes a um mergulho no mundo de poesias e contos da literatura infantil clássica. A entrada é gratuita, mediante agendamento pelo telefone: (31) 3824-3731.

A Contação de História é uma visita interativa e muito divertida a Biblioteca Central de Ideias, localizada no Centro Cultural Usiminas. O momento lúdico conduzido pela personagem Flora Manga, interpretada pela atriz Raquel Vieira, vai proporcionar aos participantes uma hora de aprendizado sobre o universo da literatura.

Neste encontro, Raquel Vieira vai apresentar aos participantes poesias de Cecília Meireles, dar dicas de livros e contar uma história inspirada no conto dos irmãos Grimm: “A Mesa Mágica, o asno que cuspia outo e o porrete dentro do saco”. “A Contação de Histórias na Biblioteca é uma oportunidade única de a população receber uma biblioteca como um patrimônio pessoal para toda a família e também reconhecer o poder da tradição oral para fortalecer os vínculos entre pais e filhos”, afirma Raquel Vieira.

Localizada no Centro Cultural Usiminas, a biblioteca disponibiliza gratuitamente para a comunidade um acervo com mais de 9 mil livros, sala de estudos e  acesso à internet. A diretora do Instituto Cultural Usiminas, Penélope Portugal, salienta que a biblioteca tem sido uma referência de acesso à literatura na região e a Contação de Histórias ajuda a atrair ainda mais pessoas ao universo da leitora. “De forma interativa e lúdica, apresentamos nosso acervo aos participantes e reforçamos que este espaço é para a comunidade. Convidamos a população a prestigiar a última edição da Contação de Histórias para Famílias deste ano”, frisa a diretora.

A Contação de Histórias na Biblioteca Central de Ideias integra programação da Ação Educativa, realizada pelo Instituto Cultural Usiminas por meio do projeto “Plano Anual Instituto Usicultura 2017” (Pronac 164275), que tem o patrocínio da Usiminas e Massas Vilma por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

CSFX implanta Programa Bilíngue

- Novidade possibilitará aos alunos serem alfabetizados em duas línguas distintas -

O Colégio São Francisco Xavier (CSFX), unidade educacional da Fundação São Francisco Xavier, acaba de lançar seu Programa Bilíngue, fruto da parceria entre a instituição e a International School. Agora, os alunos da Educação Infantil e do 1º ano do Ensino Fundamental I serão educados em duas línguas (português e inglês), ao mesmo tempo em que aprendem disciplinas do ciclo básico.

Esta metodologia será aplicada a partir de 2018, em um projeto piloto. A carga horária de língua estrangeria passará de duas para cinco aulas por semana e a perspectiva é de que, sendo bem sucedido, o projeto seja expandido, de forma gradativa, para todo Ensino Fundamental, nos próximos anos. “Inserir os alunos no universo de um segundo idioma, envolvendo-os ao máximo na cultura da língua estrangeira, tem se tornado mais palpável na educação contemporânea. Se antes isso era visto apenas como um diferencial, hoje, cada vez mais, passa a ser essencial”, destaca a superintendente Solange Liége dos Santos Prado”.

Com o Bilingual Program, os alunos também serão preparados para os exames de proficiência na Língua Inglesa da Universidade de Cambridge, o que abrirá futuramente muitas portas, tendo em vista que estes exames são reconhecidos internacionalmente.

Incluso na matriz curricular, “o Bilingual Program é um programa diferenciado para o ensino da Língua Inglesa, que visa proporcionar aos nossos alunos o desenvolvimento das competências essenciais para o século XXI. O programa traz uma proposta pedagógica que proporciona ao aluno um aprendizado significativo e estimulante, vivenciado de forma lúdica e dinâmica, e auxilia no desenvolvimento de competências, habilidades, atitudes e valores”, pontua a Superintendente.

Para lançamento, o CSFX reuniu, no mês de setembro, pais e profissionais para assistir uma palestra ministrada pela International School, no intuito de apresentar o projeto e esclarecer dúvidas. Na oportunidade, os responsáveis puderam conhecer melhor como vai ser a rotina dos filhos a partir de 2018.

O projeto

Hoje, a International School atende mais de 90 instituições de ensino em mais de 20 estados brasileiros. Para o ensino do segundo idioma, o programa usa como referência o modelo da União Europeia, reforçado pelos quatro pilares da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO): Aprender a Conhecer, Aprender a Fazer, Aprender a Conviver e Aprender a Ser. A proposta também segue as diretrizes do Content and Language Integrated Learning (CLIL), que significa aprendizagem de conteúdo e cognição e aprendizagem de linguagem e cultura.

O programa proporciona uma imersão que vai além da sala de aula, aplicado de forma a tornar a segunda língua parte natural da vida do aluno.  A abordagem metodológica favorece a interdisciplinaridade, ou seja, a troca de conhecimentos entre as disciplinas.

Receptividade

Os pais se mostraram abertos à ideia e bastante satisfeitos com a iniciativa do CSFX. Um dos exemplos é o do pai Herick Morais Nogueira. “O programa acompanha as necessidades de educação e com certeza vai abrir portas para os estudantes no futuro”, ressalta.

Mãe de alunos, Fabrízia de Araújo Soares, compartilha da opinião. “O idioma [inglês] faz parte do dia a dia, nos desenhos e nas brincadeiras. Agora, o Colégio também propicia à criança o acesso ao aprendizado formal da língua. Pensar que a escola está nos apoiando na formação dos nossos filhos é o que nos faz querer mantê-los aqui”, finaliza.

Página 10 de 44