Folha do Comércio

Você está aqui: Vale do Aço

Atletismo da Usipa recruta novos atletas

O Departamento de Atletismo da Usipa está com inscrições abertas para os testes que selecionarão atletas para competir com a camisa do clube. A avaliação técnica será para alunos/atletas matriculados na rede de ensino das escolas da região com idade de 12 a 17 anos, nascidos entre os anos 2000 e 2006.

O teste ocorre nos dias 6, 7 e 8 de novembro, de 8h as 9h e de 14h as 16h, na pista de Atletismo da Usipa “Juvenal dos Santos”. Os interessados devem comparecer ao clube nos dias em que o recrutamento for realizado, portando documento com foto e material completo (short/bermuda, camiseta e tênis).

Os melhores atletas selecionados irão compor as equipe das categorias Sub-14 Sub-16 e Sub-18, representando a Usipa nas competições do calendário de eventos da Federação Mineira de Atletismo (FMA) e Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt).

Os atletas também irão integrar a equipe do Projeto Atletismo/Gatorade/Usipa Ano II, aprovado na Lei de Incentivo ao Esporte do Governo de Minas Gerais e apoiado pelas empresas Ambev e Embasil por meio da renúncia fiscal do ICMS.

Mais informações pelo telefone 3801.4379 ou Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Coronel Fabriciano recebe novos cursos de ensino superior

O Centro Universitário Unicesumar inaugura esta semana um polo de Educação a Distância em Coronel Fabriciano/MG. A partir de agora, jovens e adultos da cidade e região contam com a presença e a força de um dos dez maiores grupos educacionais privados do Brasil. Por oferecer uma das melhores estruturas tecnológicas e pedagógicas do país, a Unicesumar obteve pelo sexto ano consecutivo conceito 4 no Índice Geral de Cursos (IGC), do Ministério da Educação (MEC), e está listada entre as melhores instituições brasileiras de ensino superior.

O polo da Unicesumar está localizado na Rua Duque de Caxias, 128, e oferece 39 cursos de graduação, mais de 80 cursos de pós-graduação, além de cursos livres. Entre as opções estão os cursos de Gastronomia, Design de Moda, Design de Interiores, Pedagogia, Administração, Ciências Contábeis, Educação Física, Engenharia de Produção e mais diversos cursos nas áreas de Gestão, Tecnologia e Educação.

A inauguração do polo em Coronel Fabriciano faz parte do projeto de expansão da Unicesumar, que prevê investimentos na ordem de R$ 40 milhões com a abertura de 150 novas unidades em todo o Brasil, ainda em 2017. “Em um momento de incertezas econômicas que o país vem atravessando, a Unicesumar segue na contramão da economia, investindo nas oportunidades apresentadas pelo mercado, pois a crise também estimula a criatividade e a necessidade de qualificação profissional, seja para se manter no emprego, descobrir uma nova profissão ou se recolocar no mercado”, afirma William de Matos Silva, pró-reitor de EAD da Unicesumar.

Um dos principais diferenciais dos cursos da EAD Unicesumar é o relacionamento que a instituição mantém com cada aluno. “Mesmo a distância, nosso aluno nunca está sozinho. Nosso sistema oferece suporte, acompanhamento e atendimento que aproximam nossos alunos dos nossos professores e de toda a equipe pedagógica”, destaca William Silva.

Outro destaque da Unicesumar é a qualidade do material didático e do conteúdo pedagógico. “Produzimos todo o material didático colocado à disposição dos nossos alunos, em diferentes mídias e plataformas. Isso assegura atualização permanente de conteúdos e uso de modernas tecnologias que garantem maior dinâmica na aprendizagem”, afirma Silva.

Todo esse conteúdo fica à disposição dos alunos no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), onde o estudante tem acesso às aulas ao vivo e gravadas, atividades de estudo, palestras e pode realizar consultas com professores e tutores. Um dos grandes diferenciais desta modalidade é a flexibilidade com que o aluno pode estudar, sendo possível assistir às aulas de sua casa, por meio da internet, no horário que lhe for mais conveniente. Com os avanços tecnológicos, a educação a distância vem cada vez mais ganhando espaço no cenário educacional, permitindo um ensino de qualidade.

Para marcar a inauguração do polo, a Unicesumar lança uma campanha especial com descontos de até 35% nas mensalidades para matriculas efetivadas até 20 de novembro. As inscrições estão abertas e podem ser efetuada no polo ou pelos telefones 0800 600 63 60 / 3831-0299.

Sobre a Unicesumar

Idealizada em 1990 para oferecer ensino de qualidade, a Unicesumar vem ampliando a estrutura física e aperfeiçoando a qualidade no atendimento. Em 2017, possui quatro campi de ensino presencial nas cidades de Maringá, Curitiba, Londrina e Ponta Grossa, no Paraná. Seu corpo docente é formado por mais de 800 professores, sendo 80% mestres e/ou doutores. A Unicesumar obteve nota 4 no Índice Geral de Cursos (IGC) pelo sexto ano consecutivo, em uma escala de avaliação de 1 a 5. No ranking dos 149 centros universitários públicos e privados do Brasil, a Unicesumar está na 7ª posição. A instituição também está entre os 10 maiores grupos educacionais privados do país.

 

Experiência musical com Art’Vitrola

Happy Hour no Shopping Vale do Aço recebe Art’Vitrola

Uma forma de renovar o clássico na música. Uma experiência auditiva interpretações que atravessam o tempo. Este é o projeto Art’Vitrola, que impulsiona o sentido de clássico, com suas leituras de obras imortais, imunes a erosão do tempo e referências para criações posteriores. Muito além de Mozart e Beethoven, o público poderá ouvir grandes clássicos da música internacional e nacional. São grandes sucessos dos Beatles, Engenheiros do Hawaii e Elis Regina. Muitas lindas canções que vão desde os anos 50 até os atuais.

Projeto Art’Vitrola

Iniciado em dezembro de 2012 com a união profissional dos músicos Gustavo Guimarães e Viviane Ramalho, originários de outros projetos musicais. Gustavo desenvolveu diversos trabalhos como guitarrista, se envolvendo com bandas locais e Viviane como backing vocal em estúdios e bandas, destaque para o seu último trabalho com a dupla Relber & Allan. A ideia do Art’Vitrola veio de uma análise do cenário musical no Vale do Aço e, partindo desse diagnóstico, montaram um repertório singular que poucos músicos se dedicam a tocar.

Serviço

Happy Hour - Art’Vitrola

Data: 1/11

Horário: 18h30

Local: Praça de alimentação

Show gratuito

Natal com muita fantasia

- Pinóquio recebe o bom velhinho na Estação do Noel do Shopping Vale do Aço -

É tradição. O Natal no Vale só começa depois da chegada do Papai Noel ao Shopping Vale do Aço. Neste ano, um dos maiores eventos do calendário do Mall, já tem data marcada: domingo,05. Essa magia acontece à partir das 08h, quando Pinóquio e sua turma recebem o papai noel em um grande festa.

Neste ano, a ferrovia, que sempre trouxe oportunidades e desenvolvimento para a região, se transforma no ícone principal da decoração do Natal do Shopping Vale do Aço, onde Pinóquio e sua turma apresentam a Estação do Noel.

Para receber o “bom velhinho”, uma grande festa está em preparação. No estacionamento coberto do primeiro piso (E1), a partir das 8h, espaço kids gratuito com cama elástica, play gol, piscina de bolinhas, brinquedos infláveis, totó, pintura facial, touro mecânico e ainda distribuição de pipoca e picolé para animar a criançada.

A partir das 10h, é que a magia acontece! Pinóquio e sua turma recebem o Papai Noel e seguem em um animado e divertido cortejo com músicas natalinas e personagens saindo do Centro Cultural Usiminas e passando pelo estacionamento até a portaria 3. Essa e outras histórias de Natal poderão ser celebradas diariamente no Mall até o dia 06 de janeiro.

Serviço

Chegada do Papai Noel

Data: 05/11

Horário: 08h00

Local: Estacionamento coberto do primeiro piso

Entrada Franca

Ipatinga recebe encontro para discutir políticas públicas

- A iniciativa faz parte do projeto “AMM nos Municípios – Encontros nas Macrorregiões”, que tem o Crea-Minas como parceiro -

Com o intuito de suprir uma demanda técnica das pequenas cidades de Minas Gerais, a Associação Mineira de Municípios (AMM) dá início ao projeto “AMM nos Municípios – Encontros nas Macrorregiões”, que vai contemplar 30 cidades de cada uma das 10 macrorregiões do estado, alcançando os 853 municípios mineiros. O próximo encontro será em Ipatinga, no Vale do Aço, no dia 9 de novembro de 2017. Os municípios de Andradas, no Sul de Minas, Itapagipe, no Triângulo Mineiro, Guarda-Mor, no Noroeste Mineiro, Guidoval, na Zona da Mata, Itapecerica, no Centro-Oeste Mineiro, Curvelo, na região Central e Poté, no Vale do Mucuri, já receberam o encontro. O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Minas Gerais (Crea-Minas) é um dos parceiros da AMM neste projeto de interiorização.

A iniciativa tem como finalidade promover reuniões para que os gestores e servidores públicos das cidades do interior de Minas Gerais tenham a oportunidade de discutir e debater temas de necessidade da sua região, além de reivindicarem ações e mais desenvolvimento. O Crea-Minas vai contribuir com sua experiência dos Encontros Regionais - Políticas Públicas e Corresponsabilidade Social, realizados entre 2012 e 2013. Os encontros mobilizaram 6700 profissionais da área tecnológica em 60 cidades de 12 regiões de Minas. Por meio de reuniões e debates, foram produzidos 11 cadernos técnicos, com 1248 proposições técnicas alinhadas aos eixos temáticos Meio ambiente, Rodovias, Urbanicidade, Impacto das Chuvas e Alimentos.

Segundo o coordenador de políticas públicas do Crea-Minas, engenheiro civil José do Carmo Dias, o projeto da AMM será uma oportunidade para divulgar as políticas públicas da engenharia às novas administrações municipais, além de qualificar agentes públicos e técnicos que integram o Sistema Confea/Crea. “Em cada um dos encontros, vamos ministrar uma palestra técnica, demonstrando a importância das funções tecnológicas e do engenheiro como elemento fundamental para busca de soluções na formação do desenvolvimento econômico e social”, comenta. Segundo ele, serão distribuídos os cadernos resultantes dos Encontros Regionais com as principais necessidades técnicas de cada uma das 12 Regionais do Crea-Minas.

Além do Crea-Minas, o projeto tem como parceiros o Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE/MG), Ministério Público do Estado de Minas Gerais (MP/MG),o Governo do Estado de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Cidades e de Integração Regional (Secir/Subsecretaria de Integração Regional) e da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), e apoio institucional da Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALMG) e da Confederação Nacional de Municípios (CNM).

Serviços

Data: 09/11/2017

Horário: 8h

Local: FADIPA – Faculdade de Direito de Ipatinga - R. João Patrício Araújo, 195 - Bairro Veneza, Ipatinga - MG

Feriado de Finados com supermercados abertos

Mercearias, casas de carne e demais estabelecimentos do setor também funcionarão nesta quinta-feira, em Ipatinga IPATINGA – Boa parte do comércio de Ipatinga estará de portas abertas na quinta-feira,02, Dia de Finados. Além dos serviços básicos à população – como farmácias, padarias e postos de combustíveis –, supermercados e demais estabelecimentos do setor estão autorizados a funcionar neste feriado.

No Shopping Vale do Aço, o hipermercado Consul também irá abrir as portas, das 9h às 18h, enquanto parte das lojas do mall estará fechada, uma vez que muitas abrirão sem usar a mão de obra de funcionários. Cinema e Praça de Alimentação funcionarão das 11h às 22h.

Já em Coronel Fabriciano e Timóteo, os serviços básicos à população estarão disponíveis. Porém, o restante do comércio ficará de portas fechadas, pois o sindicato que representa os empregados nas duas cidades optou por não negociar a abertura dos estabelecimentos em todos os feriados de 2017.

Lojas do segmento

Além dos supermercados, por força de Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), também têm autorização para funcionar em Ipatinga, nesta quinta-feira, açougues, casas de carne, mercearias, varejões, sacolões e hortifrútis. “É o último feriado de 2017 com este setor aberto”, ressalta José Maria Facundes, presidente do Sindicato do Comércio Varejista e Atacadista de Bens e Serviços do Vale do Aço. O dirigente sindical ainda informou: “O empresário que optar por usar a mão de obra dos funcionários, deve lembrar que a jornada máxima de trabalho permitida por empregado é de oito horas.”

Outras informações sobre a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) que autoriza a abertura do segmento podem ser obtidas pelos telefones 3821-9020, 3842-2040 e 3849-4490.

Ipatinga sedia o 1º Seminário de Integração Territorial do Leste

Na manhã de terça-feira,31, aconteceu no gabinete da Secretaria de Assistência Social de Ipatinga, com as participações de representantes da Secretaria Municipal de Segurança e Convivência Cidadã (Sescon) e da Secretaria de Serviços Urbanos e Meio Ambiente (Sesuma) e, Rede Leste de Bancos de Alimentos (Relba) e Sebrae. O objetivo foi finalizar a programação do 1º Seminário de Integração Territorial do Leste de Minas Gerais, que tem como tema “Segurança Alimentar e Desenvolvimento Sustentável”.

O evento, marcado para o dia 24 de novembro, de 13h às 19h, no salão de festas Veneza (avenida Macapá, 675), é uma realização da PMI em parceria com a Relba e Sebrae, com apoio do Consea – Conselho de Segurança Alimentar. Nada menos que 69 cidades estão integradas à Rede, com convites para participar.

O público-alvo são prefeitos, gestores de segurança alimentar e nutricional, gestores de agricultura e de desenvolvimento econômico e social, empresários, representantes de agricultores familiares e estudantes, além dos Bancos de Alimentos.

O foco principal é promover o debate sobre integração territorial com vistas à ampliação das ações da Agenda 2030. Ainda, serão discutidas medidas desburocratizantes para abertura de empresas nos municípios; a proposição do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) para criação da Rede Brasileira de Bancos de Alimentos (RBBA).

Outros itens do programa são a apresentação de exemplos de superação da pobreza e ampliação da captação de arrecadação municipal e cidades sustentáveis, além de alinhamento pró-comercialização rural.

Programação

O evento será aberto às 13h, com credenciamento. Às 14h30, a representante do MDSA, Érica Ramos Andrade, falará sobre a Rede Brasileira de Bancos de Alimentos como forma de integração territorial e fonte de combate à pobreza. Em seguida, Pierry Menezes, da World Vision, irá destacar os Exemplos de Superação da Pobreza no meio rural através de Projetos de Desenvolvimento de Área e também como forma de desenvolvimento econômico do Leste de Minas.

Depois do cofee break, Alan Jorge Bojanic Helbingen, da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) Brasil, irá discorrer sobre a Agenda 2030 como forma de combate à desigualdade social e oportunidades para investimentos em crescimento sustentável de municípios e como oportunidade de novos negócios para empresas.

A Federação das Indústrias de Minas Gerais - Vale do Aço (FIEMG) falará sobre Cidades Sustentáveis, e o Sebrae fará palestra sobre Cultura Empreendedora, Desburocratização e Sala Mineira do Empreendedor como forma de desenvolvimento dos pequenos negócios.

O secretário de Assistência Social, José Osmir de Castro, que também esteve presente na reunião,espera que a partir deste encontro o território Leste se torne mais integrado para discutir e buscar soluções voltadas para a segurança alimentar e outros temas relacionados.

“Esperamos ainda que este Seminário convirja para a concretização de novas parcerias entre o poder público e a iniciativa privada para o setor. Afinal, há muitas pessoas em vulnerabilidade social que necessitam que esta integração se torne real e soluções sejam buscadas no combate à fome e desenvolvimento sustentável. Os setores de alimentação e metal-mecânico da região também sairão fortalecidos com esta integração”, acredita o secretário.

APL metalmecânico recebe investimentos da ABDI

- Projeto “Aprimoramento da Competência Tecnológica do APL Vale do Aço em Projetos de Engenharia e Cultura da Inovação” está entre os quatro aprovados no país. -

O Arranjo Produtivo Local – APL metalmecânico Vale do Aço, comemora mais uma conquista, a aprovação no edital do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços – MDIC, fruto de uma parceria com Sistema FIEMG, através da FIEMG Regional Vale Aço, do Instituto Euvaldo Lodi – IEL, do SENAI, SEBRAE e Sindimiva.

O objetivo do edital é fortalecer APLs de todo o Brasil. De acordo com o presidente do APL metalmecânico, Marlon Duarte, quatro projetos foram aprovados no Brasil, dentre eles: o “Aprimoramento da Competência Tecnológica do APL Vale do Aço em Projetos de Engenharia e Cultura da Inovação”.

Marlon explica que a proposta é desenvolver um projeto piloto de um ou mais produtos que sejam demandas tecnológicas de cadeias produtivas atendidas pela região.

“Os produtos serão levantados e priorizados a partir dos projetos já desenvolvidos na região, levando em consideração a convergência com a capacidade produtiva das empresas, grau de abrangência, e relevância do produto na cadeia produtiva no qual está inserido. O projeto será desenvolvido com uma equipe de engenheiros qualificados e no modelo de pool de recursos humanos, fortalecendo o trabalho coletivo”, explica.

A aprovação no edital destinará ao APL através da Associação Brasileira de Desenvolvimento Industrial - ABDI, o recurso técnico financeiro de R$200.000,00. O projeto terá duração de dois anos e contribuirá para o desenvolvimento industrial e econômico da região.

Quando seu filho está praticando bullying, o que fazer?

- Psicopedagoga fala sobre o papel da escola e dos pais no combate à prática -

CURITIBA, 01/10/2017- Bullying é o termo utilizado para descrever atos de violência, seja física ou psicológica, praticados por um indivíduo ou grupo em quem sofre com o ato. A prática do bullying é comum principalmente no meio escolar e, por isso, tem ganhado um olhar específico dos profissionais da educação, com o objetivo de combater e instruir os professores, a equipe pedagógica e, principalmente, pais e responsáveis.

Segundo a psicopedagoga e especialista em gestão escolar, Ana Regina Caminha Braga, é importante olhar para os dois lados: o de quem sofre e o de quem pratica o bullying.  “Os olhares estão sempre relacionados a vítima, mas e o agressor? Como é realizado o acompanhamento e até mesmo as orientações? Esse sujeito precisa ser analisado pelo pedagogo, psicólogo e demais profissionais, caso necessário”, explica.

O agressor deve ser visto como uma pessoa que tem em sua maioria, uma satisfação em machucar, denegrir, depreciar e agredir o outro por vários motivos, sejam eles de cunho racial, por alguma deficiência, classe social, religião, etnia, gênero, entre outros. Para Ana Regina, a escola deve agir imediatamente, pois para a instituição não importa o motivo e, sim, como o agressor será tratado. Nesses casos é relevante observar e acompanhar os alunos não só em sala, mas a todo momento dentro do ambiente escolar.

Após identificar o agressor, a orientação combinada entre psicólogos, psicopedagogos e família, devem ser seguidas rigorosamente. “O agressor nem sempre deixa explícito sua vontade ou atitudes em machucar o outro, seja ela verbal ou fisicamente. Os prejuízos psicológicos para a pessoa que pratica o bullying também devem ser tratados com máxima cautela. Precisamos sempre olhar o dois lados da moeda”, completa.

Página 10 de 34